domingo, 22 de junho de 2008

Estrada velha



Como eu queria que as promessas fossem verdadeiras..!!


Sinto falta da infância, dos tempo em que me levava para passear na estrada velha, para colhemos amoras e tomatinhos silvestres, roubamos cana escondido, brincar comigo de queima..., eu te amo tanto, sempre foste o meu espelho, sempre quis ser a sua sombra, era o meu herói!!Por que mudaste tanto?
Não sabes o quanto era importante para mim aquelas horas!!

Como era bom o fim de semana, sempre sabia que viria nos ver, ocupando a imensa falta da mamãe, que pelo nosso bem havia ido para longe...a preocupação por nosso bem estar sempre foi grande, mais parece que meu herói mudou, apesar dos anos sempre pensei que seria sempre o mesmo, me dói saber que a idade vem batendo.

Sei que não sou mais aquela menininha que você levava para passear, mesmo grande continuo com o mesmo coração e refugio, não sei como será se esta vontade louca de abandona-los continuar a me perseguir...não quero viver longe de vocês, mais é difícil encarar que não somos mais os mesmos!!

Embora eu ainda me sinta feliz com o doce da guarapa, com a caminhada sem rumo, só para distrair...Seria bom se nossos heróis permanecessem os mesmos para todo o sempre!!!

Por mais que tudo mude, ainda queremos ser suas sombras...é bom sentir-se aparada em um mundo frio e calculista, queria poder ser eu mesma! Mais para ser sincera acho que nem eu sei quem sou....

Ao escrever isso minhas lágrimas escorrem pela face...percebo que sou mais sensível do que pareço, o brilho dos meus olhos poucas pessoas merecem embora já tenham brilhado por falsas luzes!!!

Serei sempre a menina que acredita em contos de fadas, que tem medo de dormir no escuro, que se lambuza com uma manga madura e gosta do céu azul, para brincar com as nuvens; Tem coisas que ninguém pode tirar de você, de mim meus heróis não vão mudar...espero que também não me abandonem...

7 comentários:

BAh disse...

Nada é para sempre. Tudo muda, sempre.
Às vezes as mudanças são boas; mas existem momentos que nós gostaríamos que nunca fossem embora e, mesmo assim, eles se vão.
Por mais que às vezes elas sejam indesejadas, as mudanças sempre são bem-vindas. E cabe a nós aprender a crescer com elas. =)
Boa semana!

paula barros disse...

Vindo conhecer seu blog.
Gostei muito.
O que escreveu transmite muita sensibilidade, uma reflexão que passa tristeza e caminhar, passa uma força de prosseguir.
Nossos heróis, mesmo que com o tempo os olhamos e sentimos de outra forma, pois crescemos, teve a sua importância na nossa história.
abraços

GIUSEPPE MENEZES disse...

Ellen!! Esqueci de comentar.... =(
Mas já disse que o texto está lindo. E que bom que atualizou o blog. ^^

Um grande abraço!

Fragmentos de Elliana Alves disse...

"Semeie um pensamento, colha uma ação;
semeie uma ação, colha um hábito;
semeie um hábito, colha um caráter;
semeie um caráter, colha um destino"

Porvérbio chinês

Bom dia e parabéns pelo blog...Adorei.

israel disse...

ah pois e, infelismente na vida depois de um certo tempo, descobrimos que nossos herios sao de carne e osso,e que um dia acaba indo quando agente menos espera...

adorei seu texto , transmite uma sensibilidade e uma pureza que a tempos eu nao sentia...

parabens!!

bjo!

Roseana Batista disse...

Ellen!!! Qnt tempo!
Seus textos continuam carregados de muita emoção. Muito lindo isso!

Fique em paz! bjsss
:*

Polly. Milani ® disse...

elleennnn!
é a polly
fiz otro blog, mas este eh soh de bandas cm vocal feminino, nao sei se vc curte.. mas da umapassadinha la se curtir
;***